https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/issue/feed UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões 2023-11-27T00:00:00+00:00 José Mário Gonçalves mario@fuv.edu.br Open Journal Systems <p><strong>Unitas</strong> <strong>– Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões</strong></p> <p><strong>ISSN 2358-3037</strong></p> <p><strong>DOI (Digital Object Idenfier): Prefixo 10.35521</strong></p> <p> Publicação semestral eletrônica de acesso livre da Faculdade Unida de Vitória. Publica textos inéditos de pesquisadores e discentes nas áreas de teologia, ciências das religiões e áreas afins, que possuam uma relação temática com o fenômeno religioso e suas várias expressões.</p> <p><strong>Missão:</strong> Divulgar pesquisas científicas acerca do fenômeno religioso e suas expressões na vida humana e ser um espaço aberto à reflexão teológica e ao acesso à dinâmica essencial da existência humana: história, economia, cultura, política, arte, geografia, sociedade meio ambiente e suas variações. Difundir o conhecimento científico da área da teologia e das humanidades em geral. Ser memória pública da produção de conhecimento contemporâneo acerca do fenômeno religioso. Oportunizar a divulgação da produção científica discente.</p> <p><strong>Processo de Avaliação pelos Pares - </strong>Os textos submetidos à UNITAS, após avaliados pela Comissão Editorial, serão encaminhados para dois pareceristas especialistas no campo de conhecimento do artigo submetido. Orientamos que o parecer favorável ou não seja claramente justificado. O artigo será publicado somente com a aprovação dos dois pareceristas externos. Se necessário, em caso de empate, encaminharemos para um terceiro parecerista.</p> <p><strong>Termo de Responsabilidade ética de Autoria para submissão de artigos</strong></p> <p>Declaro que identifiquei de forma clara e citei corretamente trabalhos de outros autores que tenham sido utilizados neste trabalho. No caso de ter utilizado frases retiradas de outros autores, referenciei-as devidamente ou, se as redigi com palavras diferentes, indiquei o original de onde foram extraídas. Declaro que não há qualquer plágio (apropriação indevida da obra intelectual de outra pessoa, assumindo implícita ou explicitamente a autoria da mesma, ainda que por omissão) no texto entregue para publicação e que reconheço que tal prática poderia resultar em sanções disciplinares e legais.</p> <p> </p> <div> <p><strong>Indexações Internacionais:</strong></p> <table style="width: 686px;"> <tbody> <tr> <td style="width: 132px;"><a href="https://www.google.com/maps/d/u/0/viewer?mid=1ZqUDt08iTeenVxLhIm5B3QOhAaY&amp;ll=-14.564835578890003%2C-72.85951814999999&amp;z=3" target="_blank" rel="noopener"><img src="https://revista.fuv.edu.br/public/site/images/faculdadeunida/latinrev.jpg" alt="" width="113" height="105" /></a></td> <td style="width: 552px;"><strong><a href="https://www.google.com/maps/d/u/0/viewer?mid=1ZqUDt08iTeenVxLhIm5B3QOhAaY&amp;ll=-20.315076900000008%2C-40.3058977&amp;z=18" target="_blank" rel="noopener">LATINREV</a> </strong>(Red Latinoamericana de Revistas Académicas en Ciencias Sociales y Humanidades)</td> </tr> <tr> <td style="width: 132px;"><a href="https://www.latindex.org/latindex/ficha?folio=24985"><img src="https://revista.fuv.edu.br/public/site/images/claudete/logo[1].jpg" alt="" width="116" height="32" /></a></td> <td style="width: 552px;"><a href="https://www.latindex.org/latindex/ficha?folio=28401" target="_blank" rel="noopener"><strong>LATINDEX </strong></a>(Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal)</td> </tr> </tbody> </table> <p><strong> </strong></p> <p><strong>Indexações Nacionais:</strong></p> <table style="width: 685px;"> <tbody> <tr> <td style="width: 22px;"><a href="http://diadorim.ibict.br/handle/1/1319" target="_blank" rel="noopener"><img src="https://revista.fuv.edu.br/public/site/images/joseadriano/logo_diadorim.png" alt="" width="143" height="81" /></a></td> <td style="width: 649px;"><a href="https://diadorim.ibict.br/handle/1/1318" target="_blank" rel="noopener"><strong>DIADORIM</strong> </a>(Diretório de políticas das revistas científicas brasileiras sobre o acesso aberto aos artigos por meio de repositórios institucionais)</td> </tr> <tr> <td style="width: 22px;"><a href="http://www.cnen.gov.br/centro-de-informacoes-nucleares/livre" target="_blank" rel="noopener"><img src="https://revista.fuv.edu.br/public/site/images/joseadriano/logo_livre.png" alt="" width="140" height="60" /></a></td> <td style="width: 649px;"><a href="https://livre.cnen.gov.br/Inicial.asp" target="_blank" rel="noopener"><strong>LIVRE</strong></a> (Revistas de Livre Acesso)</td> </tr> <tr> <td style="width: 22px;"><a href="http://www-periodicos-capes-gov-br.ez266.periodicos.capes.gov.br/index.php?option=com_pmetabusca&amp;mn=70&amp;smn=78&amp;sfx=buscaRapida&amp;type=p&amp;Itemid=120&amp;" target="_blank" rel="noopener"><img src="http://www.periodicos.capes.gov.br/images/stories/periodicos.png" alt="" width="142" height="36" /></a></td> <td style="width: 649px;">PORTAL DE PERIÓDICOS DA CAPES</td> </tr> <tr> <td style="width: 22px;"><a href="http://www.sumarios.org/revista/reflexus" target="_blank" rel="noopener"><img src="https://revista.fuv.edu.br/public/site/images/claudete/sumarios1[1].png" alt="" width="141" height="49" /></a></td> <td style="width: 649px;"><a href="https://www.sumarios.org/revista/unitas-revista-eletr%C3%B4nica-de-teologia-e-ci%C3%AAncias-das-religi%C3%B5es" target="_blank" rel="noopener"><strong>SUMÁRIOS.ORG</strong></a> (Sumários de Revistas Brasileiras)</td> </tr> </tbody> </table> </div> <div> <div> </div> <p><strong>CHAMADA PARA ARTIGOS 2024</strong></p> <p><a href="https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/submission/wizard"><strong>DOSSIÊ 2024/01: A religião nas migrações: a propósito dos 200 anos de presença protestante no Brasil</strong></a></p> <p>As consequências dos processos migratórios constituem-se em experiências complexas e plurais, com implicações que atravessam diferentes esferas da vida pessoal, familiar, social, cultural, religiosa, ambiental entre outras. O protestantismo se instalou de fato no Brasil nos anos de 1823/1824, através da imigração européia estimulada pelo governo imperial. Uma das principais expressões religiosas protestantes desse movimento imigratório é a chegada de pessoas de tradição luterana e a formação da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil – IECLB. Contudo, várias igrejas do Protestantismo de Missão no Brasil também estão, de alguma forma, atravessadas pela experiência migratória, seja pela imigração estrangeira, seja pelos movimentos migratórios internos. Como o protestantismo tem acompanhado os processos migratórios ao longo dos 200 anos de presença e atuação no Brasil? O Dossiê receberá artigos com diferentes perspectivas teórico-interpretativas, que reflitam sobre a religião nas migrações e suas consequências, tanto no que tange ao perfil dos protestantismos que se gestaram nesse processo, quanto no que se refere a seu impacto e assimilação na esfera pública do nosso país.</p> <p><strong>Prazo para submissão: 30 de abril de 2024</strong></p> <p>Profa. Dra. Claudete Beise Ulrich - Faculdade Unida de Vitória</p> <p>Prof. Dr. Lauri Emilio Wirth - Universidade Metodista de São Paulo</p> <p>Prof. Dr. João Klug - Universidade Federal de Santa Catarina/SC</p> <p>Prof. Dr. Jefferson Zeferino - Pontifícia Universidade Católica/Campinas</p> <p>Profa. visitante Dra. Scheila Roberta Janke - Faculdade Luterana de Teologia/São Bento do Sul</p> <p>Prof. Dr. Sérgio Luiz Marlow - Faculdade Unida de Vitória/ES</p> <p> </p> <p><strong> </strong></p> </div> https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2762 Editorial Dossíê - O conceito de intelectual orgânico e a sua relevância para a Teologia e as Ciências das Religiões 2023-11-13T12:23:44+00:00 Glauco Barsalini glaucobarsalini@gmail.com <p>Apresentação do Dossiê - O conceito de intelectual orgânico e a sua relevância para a Teologia e as Ciências da</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2727 Contribuições das ciências das religiões para o ensino religioso escolar 2023-02-27T17:23:03+00:00 Ronivaldo Beckman da Silva beckmanndasilva@gmail.com Rosani Muniz Marlow rosanimarlow@gmail.com <p>Este artigo discorre sobre a pertinência das contribuições das Ciências das Religiões para o Ensino Religioso Escolar numa abordagem teórica e prática, tendo por objetivo incentivar e valorizar a formação continuada de professores(as) de Ensino Religioso. Assume-se que as Ciências das Religiões têm importantes contribuições para a formação continuada dos(as) professores(as) de Ensino Religioso, em seu fazer pedagógico, sendo capaz de apontar caminhos e metodologias que tornem as aulas mais dinâmicas e atrativas para os(as) alunos(as). Autores, como Tworuschka, Junqueira, Freitas, Santos, entre outros, fundamentam a pesquisa bibliográfica que retoma ainda a discussão da formação do(a) professor(a) de Ensino Religioso, vinculada ao fazer pedagógico da sala de aula. A pesquisa ressalta a importância das Ciências das Religiões para a formação teórica do profissional do Componente Curricular Ensino Religioso concomitante à sua prática docente.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2731 O dinamismo da espiritualidade do encontro no Ensino Religioso: 2023-06-05T21:58:18+00:00 Gleisyelle Cibien Corradini Donadia gleisysupervisora@gmail.com Rosinei Ronconi Vieiras rosineirv@hotmail.com <p>O artigo propõe a superação do fundamentalismo religioso nas escolas públicas brasileiras a partir da simbiose entre uma perspectiva de espiritualidade, pautada no diálogo e no encontro, com o Ensino Religioso escolar. Em três passos, analisa-se os desdobramentos do fundamentalismo desde à Modernidade; apresenta-se o Ensino Religioso à luz da Base Nacional Comum Curricular (BNCC); reflete-se, por último, sobre o dinamismo da espiritualidade, numa perspectiva dialogal e de encontro, e suas implicações para a construção de um ambiente escolar mais fraterno. Depreende-se que o Ensino Religioso pode ser instrumentalizado na lógica da espiritualidade em tela e aproximar as pessoas independentemente do credo ou do modo de vida delas. Em tempos de fundamentalismo religioso, identificado nos diversos tipos de violência que ocorrem dentro e fora das escolas, o Ensino Religioso pode promover diálogos, encontros e legitimar as experiências religiosas sem replicar discursos que fundamentam uma fé em detrimento de outras.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2662 A Maldição da Figueira 2023-05-24T22:42:59+00:00 Sérgio Fernando Sabalo sergiofernandosabalo76@gmail.com <p>Este estudo tem como objectivo apresentar a instrução como causa final dos milagres de Jesus através do milagre da maldição da figueira. Sobre tal milagre, em especial, é possível compreender a afinidade entre a palavra e o feito. Como dito por Jesus, jamais nasceria fruto da figueira e a árvore seca. Há nesse incidente uma expectativa deprimente da parte dos presentes, uma vez que o enunciado destaca a esterilidade da figueira e não a sua morte. Trata-se de uma indução predominantemente bibliográfica, assente na Sagrada Escritura e manuais afins à Teologia, Filosofia, Didáctica e outros. O leitor poderá inferir a importância desse contributo sempre que estiver na questão da razão dos milagres de Jesus para o cristão primitivo, assim como para o homem contemporâneo e o de amanhã; sempre que estiver na questão da perenidade do valor dos milagres de Jesus.</p> <p>Palavras-chave: Maldição da Figueira, Milagre, Causa Final, Instrução.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2678 Medo, Incômodo Permanente e Ressignificação Simbólico-Religiosa: 2023-11-25T16:53:57+00:00 Marcello Monteiro marcelloliberato2106@gmail.com <p>Desde os primórdios da humanidade, as religiões <strong> </strong>buscam ajudar a humanidade a encarar ansiedades para as quais muitas vezes a ciência não tem respostas, ou, quando as tem, podem não ser satisfatórias. A morte é uma delas. Em algum momento da vida somos levados a vivenciar o luto pela perda de uma pessoa próxima e cara a nós. Trata-se, seguramente, de uma experiência de dor e angústia. O simples fato de sabermos que a nossa vida será, inevitavelmente, ceifada pela morte, já nos leva a sentir, no mínimo, um incômodo permanente. Seguindo essa linha, buscaremos identificar como a morte é vista nas três principais religiões ocidentais, e como sentimentos como Incômodo, Medo e Ressignificação Simbólico- Religiosa nos afetam. Nesse sentido, este trabalho apresenta uma revisão bibliográfica que visa resumir os principais eventos e contextos que reforçam os mais diversos sentimentos quando se trata do conceito de morte. Como subsídio usaremos alguns autores (as), entre eles: Alves (2013), Bauman (2008), Beck (2019), Boff (2012), Descartes (2001), entre outros.</p> 2023-11-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2730 Pluralismo religioso no Brasil 2023-09-06T14:09:20+00:00 Luciene Floriano Graça lufgraca@hotmail.com <p>O estudo surge a partir de discussões de cunho acadêmico relevantes para o campo das Ciências da Religião no que diz respeito à forma como o pluralismo religioso se manifesta em terras brasileiras. Pautado em pesquisas bibliográficas através da leitura de artigos científicos que compõem a referida área de conhecimento, a legislação (sobretudo a Constituição Federal promulgada em 1988) também será evocada como fundamentação legal protecionista quanto à liberdade de crença. O presente estudo buscará responder questionamentos que surgem quando nos debruçamos sobre a temática: Quais fatores históricos motivaram a promulgação de legislações garantistas quanto à liberdade de crença no Brasil? Tais legislações foram fundamentais para a disseminação de novas formas de experienciar a fé?</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2712 A construção de uma sociedade tolerante por meio do Componente Curricular de Ensino Religioso na modalidade da Educação de Jovens e Adultos 2023-06-05T18:56:48+00:00 Singlei Ferreira Augusto singlei_augusto@hotmail.com <p>O presente estudo tem a finalidade de identificar de que maneira a escola pode funcionar como um ambiente de diálogo para proporcionar a construção de uma sociedade tolerante. Nesse cenário, analisa-se o Componente Curricular de Ensino Religioso como instrumento capaz de atuar e concretizar esse objetivo, ressaltando suas competências de acordo com a Base Nacional Comum Curricular. Considera-se um cenário marcado pela intolerância, desrespeito, preconceito e pelas diversas formas de violência diante de um contexto plural da sociedade brasileira. Diante disso, o presente estudo realizou uma pesquisa bibliográfica, em que foram selecionados materiais pertinentes ao tema em questão, como doutrinas e artigos científicos. Concluiu-se que o Componente Curricular de Ensino Religioso, enquanto área do conhecimento, pode ser utilizado como instrumento útil e adequado para proporcionar o diálogo e o respeito à diversidade religiosa e, consequentemente, formar cidadãos capazes de compreender que a diversidade e a liberdade religiosa são direitos fundamentais expressamente assegurados.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2776 Dos intelectuais orgânicos aos intelectuais responsáveis 2023-09-06T17:37:52+00:00 Nelson Lellis nelsonlellis@gmail.com Leonardo Gonçalves de Alvarenga alvarengalg2@gmail.com <p>O presente artigo discute a complexa questão conceitual da figura do intelectual e de sua função numa sociedade vivida pela política de identidades. Para isso, revisita o conceito de <em>intelectual orgânico </em>observando suas características constitutivas, considerando seu contexto e a própria produção nos estudos de Gramsci. Posteriormente, como Bobbio entende o intelectual orgânico e como articula a ideia de responsabilidade nas reflexões e consequência da ação de um intelectual. A hipótese é que, tendo como exemplo cientistas da religião e teólogos no campo da Nova Esquerda, o uso do conceito de intelectual orgânico estaria distante de um intelectual que segue a lógica da política de identidades, além dos efeitos dessa produção intelectual que corre o risco de não fornecer um caminho para a igualdade em seu sentido mais amplo.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2796 O Ideário Preconizado por Antonio Gramsci e o Papel dos Intelectuais Orgânicos Face aos Meandros do Autoritarismo Neoconservador Bolsonarista 2023-09-06T17:56:53+00:00 Celso Gabatz gabatz12@hotmail.com <p>Este artigo propõe uma análise da conjuntura brasileira destacando os percursos do autoritarismo neoconservador a demarcar os contornos da racionalidade neoliberal na esfera pública a ponto de incidir na subjetividade dos indivíduos, reproduzindo um axioma sublinhado pela meritocracia, inviabilizando o sentimento de solidariedade social. Por meio de uma abordagem epistemológica sobre a relevância do pensamento preconizado por Antonio Gramsci, especialmente acerca dos intelectuais orgânicos, vislumbra-se, nesta exposição, um ideário de valores que explicitam e engendram caminhos para a criação de variadas equivalências de natureza moral numa tentativa de diferenciação enquanto forma de existir.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2759 O intelectual orgânico como dirigente poético 2023-09-06T17:07:56+00:00 Cídio Lopes de Almeida cidioalmeida@gmail.com <p>Resumo: O objetivo do artigo consiste em relacionar a ideia de viver poético em Agostinho da Silva com a atividade diretiva do intelectual orgânico em Gramsci, para traçar algumas perspectivas possíveis de <em>práxis </em>poéticas. O problema que nos move está circunscrito em verificar como a ideia de poética em Agostinho da Silva colabora com a atividade diretiva do intelectual orgânico dos subalternizados, que tem por desafio criar uma narrativa aquém da hegemônica e como pauta profissional. Nossa metodologia será bibliográfica.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2780 A invenção de uma comunidade eclesial orgânica 2023-09-06T17:49:51+00:00 Wallace Soares da Paixão soares.ensino@gmail.com <p>Ensaia-se uma aproximação simbiótica entre o conceito de intelectual orgânico, em Gramsci, e a ação pastoral como práxis transformadora, visando elucidar o papel e representatividade da teóloga e teólogo na formação de uma comunidade eclesial orgânica. O modelo pastoral das CEBs é refletido no intuito de localizar algumas fragilidades epistemológicas quanto ao empreendimento hermenêutico-teológico nelas desenvolvido e aplicado. A ação pastoral como práxis transformadora é refletida como uma prática a ser desenvolvida e desempenhada por teólogas e teólogos orgânicos em comunidade eclesiais orgânicas. Novos paradigmas interpretativos da bíblia são sugeridos como caminho para atualização e continuidade do trabalho iniciado e realizado pelas CEBs. A formação de uma comunidade eclesial orgânica representa um campo fértil para o desenvolvimento de uma teologia encarnada, engajada e sensível à realidade das pessoas em situação de sofrimento na sociedade contemporânea.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2816 Acesso popular à Justiça 2023-10-30T21:20:58+00:00 claudete Beise Ulrich claudete@fuv.edu.br Nivia Ivette NÚÑEZ DE LA PAZ nivianpaz@gmail.com Clélia Peretti clelia.peretti@pucpr.br <p>O presente artigo reflete sobre a formação e atuação das Promotoras Legais Populares (PLPs), como mulheres comprometidas pela cidadania, direitos das mulheres e direitos humanos. Elas provêm e atuam no meio popular. As PLPs recebem a sua formação, a partir da metodologia feminista e da educação popular. A história de formação das Promotoras Legais Populares (PLPs), localizadas em São Leopoldo-RS iniciou a partir do Centro Ecumênico de Capacitação e Assessoria (CECA), a partir da década de 90. Como o CECA não tinha acúmulo teórico no campo de estudos de gênero ocorreu à aproximação com outras ONGs que já executavam trabalhos nesta área, especialmente, com a THEMIS – Porto Alegre – RS. O movimento ecumênico popular fortaleceu-se, com a abordagem de gênero, originando o Projeto Acesso Popular à Justiça - APJ, com a consultoria da THEMIS e em 1998 se desenvolveu o 1º Curso de Formação de Promotoras Legais Populares. Na luta contra a hegemonia patriarcal, machista, violenta e feminicida, as PLP´s atuam pela cidadania e direitos das mulheres, constituindo-se enquanto intelectuais orgânicas, conceito cunhado pelo filósofo Antonio Gramsci.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/2810 O bispo tardo antigo como intelectual orgânico 2023-10-11T13:47:27+00:00 José Mário Gonçalves mario@fuv.edu.br <p>O objetivo desse artigo é apresentar a figura do bispo no cristianismo tardo antigo como um exemplar de intelectual orgânico, segundo o conceito elaborado pelo filósofo italiano Antonio Gramsci (1891-1937). Na primeira parte do trabalho, discutiremos os conceitos gramscianos de <em>intelectual orgânico </em>e também de <em>hegemonia</em>, que está diretamente ligado àquele. Em seguida, examinaremos como o poder episcopal se constitui e se fortaleceu nos primeiros séculos da era cristã, observando também as relações que os ocupantes do episcopado mantinham com a elite cultural, social e política no interior o do Império Romano. Por fim, veremos o caso do episcopado de Agostinho de Hipona (354-430) no Norte da África e como ele atuou como um intelectual orgânico em busca da hegemonia do catolicismo na sua região.</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões https://revista.fuv.edu.br/index.php/unitas/article/view/903 The Dawn of Apocalyptic: The Historical and Sociological Roots of Jew-ish Apocalyptic Eschatology 2018-10-30T14:29:02+00:00 Ângelo Vieira da Silva revavds@gmail.com <p>RESENHA ACADÊMICA</p><p>HANSON, Paul D.. <em>The Dawn of Apocalyptic: The Historical and Sociological Roots of Jewish Apocalyptic Eschatology. </em>Revised Edition<em>.</em> Philadelphia: Fortress Press, 2012. 444 pp.<em> </em>ISBN 978-08-006-1809-4</p> 2023-11-27T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 UNITAS - Revista Eletrônica de Teologia e Ciências das Religiões